Seguidores

quinta-feira, 7 de março de 2013

O CAPITÃO E A SEREIA por ANDRÉ NEVES



 


Marinho sempre navegou em sua imaginação marítima por oceanos nunca antes navegados, muito além das terras onde vivia.
Em seus olhos, azuis como o horizonte que une céu e mar, brilhava a vontade de sentir o corpo molhado pelos encantos aquáticos. No coração, também cercado de águas por todos os lados, não havia desejo maior, às vezes calmo, às vezes tenso, como o mover das ondas.

Postar um comentário